O PROCESSO DE CRIAÇÃO DE UMA COLEÇÃO DE MODA


Os desfiles da São Paulo Fashion Week acabaram de acontecer. Mas como é feito o processo de criação de uma coleção de moda? Quais os passos que culminam num desfile tão bacana e repleto de novidades?

Aparentemente simples, o processo de criação de uma coleção de moda envolve diversos passos indispensáveis para alcançar o sucesso.

Mesmo que sua marca seja uma debutante na moda, sem o glamour e sem os recursos materiais e humanos da SPFW, a coleção deve ser planejada cuidadosamente, seguindo determinados passos.

De maneira simplificada, uma coleção de moda é o conjunto de peças que tem como finalidade satisfazer os desejos de consumo do seu cliente, mantendo a identidade da marca.

A partir desta definição, devemos traçar quatro pontos iniciais, conforme segue:

1) Determinar o público-alvo:  de acordo com a faixa etária, poder aquisitivo, localização geográfica, etc, direcionando o desenvolvimento da coleção;

2) Realizar pesquisa de mercado e de tendências: analisando concorrentes, observando os cenários da moda, da arte e da música. A partir desta análise criar um painel de tendências e inspirações;

3) Montar um plano da coleção: de acordo com público-alvo e o resultado da pesquisa de mercado. É nesta fase  que se define o mix de produtos da marca, a quantidade de modelos e quantas peças serão produzidas. Numa coleção de moda devemos encontrar pelo menos duas categorias de produto: o básico e o fashion. O básico deve estar presente em quase todas as coleções e são atemporais. O fashion estará comprometido com as tendências do momento e deverá ser comercializado no período da coleção, pois logo estará fora de moda.

4) Preparo do briefing: é um resumo de tudo o que foi pesquisado. Nele deverá constar imagens, cartela de cores, materiais a serem utilizados (zípers, botões, tecidos, etc.) e todas as informações necessárias para a execução da coleção.

Definido os quatro pontos iniciais do planejamento da coleção passa-se para a fase de execução:

1) Programação de compra de tecido e aviamentos: Propostas as cores e os materiais, fazemos uma programação de compras de tecido, aviamentos, mão de obra e uma projeção dos custos de produção.

2) Desenho dos croquis:  O desenho dos croquis serve para visualizar as combinações entre peças da coleção e para ajudar no planejamento da coordenação de cada família.

3) Modelagem e construção da peça piloto:  Escolhidos os desenhos que farão parte da coleção, são feitas as modelagens e confeccionadas as peças piloto. Nesse ponto são feitas provas e ajustes necessários para que a produção não tenha problemas no futuro.

4) Confecção de mostruário: Tendo em mãos as peças piloto aprovadas, a produção se encarregará de confeccionar um mostruário que será encaminhado para a equipe de vendas ou representantes, permitindo assim que os clientes e lojistas tenham conhecimento da coleção proposta pela empresa e possam começar a realizar seus pedidos.

Neste ponto se encerra o processo de planejamento e desenvolvimento da coleção. Mas isso por pouco tempo, pois logo esse ciclo recomeça, com desenvolvimento da coleção da próxima estação.

Bons negócios!

Comentários